Trabalhar em home office tem muitos benefícios, porém, quem já sentiu a produtividade ir embora quando senta para trabalhar dentro de casa?

Acontece com todos uma hora, afinal você está dentro da sua casa – muitas vezes no seu próprio quarto.

Por isso hoje selecionamos 4 dicas para aumentar a sua produtividade no home office e melhorar o seu desempenho no trabalho.

1. Ambiente de trabalho gera mentalidade de trabalho.

sair do home office para um coworking

Mantenha só o necessário à vista. Todos temos o talento incrível de achar algo mais interessante para fazer quanto temos que trabalhar e concluir tarefas.

Não é à toa que nosso cérebro, dizem, muda de foco a cada sete segundos! Com isso em mente, ter um ambiente que transmita um ar de profissionalismo e produtividade é essencial.


Mantenha os itens importantes para desempenhar a tarefa e tire do seu ambiente de trabalho todas as oportunidades de procrastinação.

2. Ensine seu cérebro o horário de trabalhar

Nós sabemos como mudanças de horário podem nos afetar. Quando mudei de turno de trabalho da manhã para a tarde, minha produtividade foi lá em baixo, simplesmente porque eu parecia não render nada na manhã. Isso é porque há momentos no dia que ainda não aprendemos a render. 

Criar uma rotina para você siga como guia ajuda seu corpo a entrar em um estado de flow. 

Balize seus horários de trabalho, suas refeições e tempo de recreação e exercício, priorizando as horas do dia mais naturais para seu rendimento.

3. Conte com quem está caminhando para o mesmo objetivo

sair do home office para um coworking

Se um baterista e um escritor precisam de prática para evoluírem suas técnicas, também é verdade que não podem praticar em um mesmo ambiente. Para o trabalho intelectual do qual depende a produtividade num home office é necessário alinhamento de objetivos.

Perceba: não estamos falando de solidão, necessariamente. O que enfatizo é que se você está trabalhando, suas “distrações” devem ser as do trabalho. 

Manter o foco em um ambiente com pessoas fazendo outras coisas não relacionadas ao trabalho custará muito mais de suas energias mentais. 

4. Saia de casa!

Qualquer empreendimento é dependente dos contatos que você faz. Eles vão levar a sua marca de boca em boca, comentar que conhecem quem está por trás do logotipo, e fazer que sua empresa ou serviço sejam conhecidos. Por isso, importa muito que seu home office não vire uma home prison.

Aproveite-se da mobilidade dele e vá para lugares nos quais você consegue estabelecer networking, contatar empreendedores com ambições parecidas e pessoas que vão te ajudar a ser mais produtivo.

Lembre: quem trabalha em casa é seu chefe. Seja um bom chefe para você mesmo! Propicie a seu funcionário (você) um ambiente agradável, pessoas com mentalidade produtiva e as possibilidades de conectar-se com elas.

Lembre que há ambientes especializados nisso, como os coworkings.

Construa uma rotina de um verdadeiro líder e assim leve sua empresa para adiante com tranquilidade e boa companhia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *